Artigo:

A campanha das diretas-já

A cidade de Picos teve efetiva participação no movimento nacional das Diretas-Já.

Gerardo T. Dantas - 14/04/2009

Há exatamente 25 anos, a campanha das "DIRETAS JÁ" tomou conta do Brasil, de ponta a ponta! Comandada por Ulisses Guimarães, este movimento popular, que começou muito tímido, saiu dos ambientes fechados e foi agregando multidões, por este País a fora.

Na verdade, estas palavras que pareciam mágica, tiveram o condão de unir o sentimento popular e esse grito ecoou de canto a canto do nosso País, contra a ditadura militar que se instalara no Brasil; em 1964.

Lembro-me muito bem o fervor cívico que corria nas minhas veias quando usei pela primeira vez a camiseta que estampava "EU QUERO VOTAR PARA PRESIDENTE".

Alguns fatos interessantes aconteceram, nesta caminhada: consta que quando do começo da campanha, num determinado salão público no Rio de Janeiro, Ulisses Guimarães e Tancredo Neves comandando a reunião, a atriz Cristiane Torloni compareceu para dar apoio. Neste momento, Tancredo teria cutucado Guimarães e dito ao seu pé de ouvido: "Ulisses, esta menina vale por nos dois juntos e ainda sobra". Outro acontecimento muito importante e este absolutamente verdadeiro, foi aquele no qual a população de Recife tocou fogo no carro de reportagem da Rede Globo de televisão, como protesto pelo fato da emissora mais importante do País teimar em ignorar o movimento das "DIRETAS JÁ", para agradar a ditadura e os ditadores de plantão.

O movimento foi tão forte e tinha tanto apoio popular, que mesmo o fato dele ser teimosamente ignorado pela emissora de Roberto Marinho não impediu que ele tivesse o cimento mágico que uniu o povo brasileiro, levando milhares e milhares de pessoas às ruas em todas as capitais, culminando com o comparecimento de mais de um milhão de pessoas, tanto no comício de São Paulo como no do Rio de Janeiro, nos quais populações, embevecidas do sentimento cívico da maior bravura, gritavam ensandecidas: "DIRETAS JÁ".

Não poderíamos deixar que um acontecimento tão importante para a redemocratização do Brasil acontecesse, sem que o povo picoense tivesse participação.

Criamos aqui o comitê Severo Eulálio para as "DIRETAS JÁ" e começamos a despertar a consciência cívica da nossa gente. A primeira reunião aconteceu no escritório da Dantec e teve a participação de lideranças políticas e estudantis, que assumiram o compromisso de "botar a campanha nas ruas". Os vereadores Ozildo Batista de Barros e Emir Maia Martins Filho; o ex-prefeito Waldemar Rodrigues de Sousa Martins, o ex-deputado Raimundo de Sá Urtiga e o presidente da UPES Paulo Afonso; integraram o movimento, desde o primeiro momento.

No inicio a população nos ignorou solenemente! Lembro-me do comício no bairro Pedrinhas, onde não apareceu ninguém para nos escutar em praça pública. Assim mesmo, fizemos o uso do microfone e as nossas palavras ecoaram a esmo pelas ruas vazias daquele bairro muito importante da nossa cidade; de onde posteriormente surgiriam lideranças políticas marcantes na história recente de Picos.

Como, quando uma pedra é jogada em um lago e cuja onda forma um círculo, que termina por dominar toda superfície, até atingir as margens, fomos firmando nossos sentimentos democráticos na consciência coletiva do povo picoense, e esta participação popular nos encorajou para que organizássemos um grande comício pelas "DIRETAS JÁ".

Fiquei com a incumbência de manter os contatos e fazer o convite para que políticos de expressão nacional participassem do nosso comício. Conversamos, "via Embratel", com dezoito personalidades políticas do Brasil; do atual presidente, Luis Inácio Lula da Silva, ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; e obtivemos o compromisso do comparecimento ao nosso comício do presidente Ulisses Guimarães, do senador Marcos Freire e do deputado federal Roberto Freire; ambos de Pernambuco. Para tanto, só precisávamos adequar o dia e a hora do nosso grande comício pelas "DIRETAS JÁ", de modo a compatibilizar com os comícios de Recife, Natal e Petrolina, também previstos e realizados no mesmo fim de semana.

Sacrificando bastante o horário que para um dia de feira em Picos é sempre mais conveniente para o período da manhã, fizemos o nosso grande comício pelas "DIRETAS JÁ" no sábado dia 07 de abril de 1984; a partir das 14:00 horas, e mesmo assim, contamos com a presença de dez mil picoenses na Praça Josino Ferreira que, entusiasticamente, ajudaram a escrever o nome da nossa cidade na campanha cívica mais importante da história contemporânea do Brasil.

* Gerardo T. Dantas é Engenheiro Civil. Presidiu o Comitê Severo Eulálio pelas Diretas-Já.

 

[ Imprimir ]

Matéria impressa do PORTALFCS.COM.BR no link:
http://www.portalfcs.com.br/home.php?c=nd&id=4368